A importância do fracasso para o sucesso: porque você deve falhar para realizar sonhos

Eu admito.

Sou uma grande fã da série Harry Potter e, depois que aprendi um pouco sobre a história de vida da autora, fiquei ainda mais impressionada com sua obra.

Se você não assistiu ao discurso de J.K. Rowling em uma cerimônia de graduação de uma das turmas da universidade Harvard, então sugiro que você abra uma nova guia no seu navegador para conferir. E depois volte a ler este texto, é claro.

Aqui no blog já falamos do preço de uma vida sem sonhos. O que muitas pessoas ignoram é que o fracasso faz parte do caminho para o sucesso e realizações.

Você já fracassou na vida? Sentiu que fez tudo o que podia de errado e depois não sabia como poderia se recuperar daquele momento? Eu já.

No entanto, quando penso nas vezes que falhei, hoje consigo enxergar que foram momentos importantes de virada. Os meus fracassos me trouxeram benefícios.

E quanto a você?

Quer saber como falhar pode te beneficiar na sua jornada rumo ao sucesso? Continue lendo este post 😀

Talento e inteligência não nos protegem dos caprichos do destino

Essa é uma das primeiras coisas que J.K. Rowling aborda em seu discurso para a turma de Harvard. Poucos são os privilegiados que podem aprimorar seus talentos e inteligência em instituições de renome internacional, como era o caso daqueles estudantes.

No entanto, apesar da grande oportunidade, talento e inteligência não nos protegem dos acasos do destino. J.K. Rowling, apesar de ter tido a chance de estudar em uma universidade, se viu em uma situação no mínimo desafiadora depois de alguns anos.

Com uma filha para criar, a autora, recém saída de um divórcio e desempregada, se encontrava no limite entre pobreza e miséria.

Ela utiliza esta situação de gancho para justificar que notas altas na universidade não são tudo. Há problemas em nossas vidas que o conhecimento acadêmico não pode resolver.

Então, nesse meio tempo, erramos. E erramos feio. E cabe a nós aprendermos com nossos erros.

“Falhas fazem parte da vida. Elas são inevitáveis … a não ser que você viva de modo tão cauteloso, que você simplesmente não esteja vivendo.” – J.K. Rowling

Ao fracassar, nos despimos de tudo que não é essencial

J.K. Rowling, ao experimentar o fracasso e, como ela diz, chegar ao fundo do poço, parou de tentar ser o que a sociedade queria dela. Aceitou-se como era (uma escritora) e começou a trabalhar com determinação para melhorar o mundo em que ela se encaixava.

Ela afirma que o fracasso a libertou! Pois, segundo suas próprias palavras, apesar de passar por um período negro,  “ela estava viva, tinha uma filha, uma velha máquina de escrever e uma grande ideia!”.

Histórias semelhantes, de como o fracasso ou grandes perdas trazem as pessoas a libertação para atingir seu verdadeiro potencial, podem ser vistas em outros lugares como no livro Pense e Enriqueça de Napoleon Hill.

Quando fracassamos grandemente em nossa vida, comodismos e confortos deixam de nos distrair de quem podemos e queremos ser. Afinal, todas as expectativas foram por água abaixo e o único jeito de sair do chão é se levantar.

O sucesso da medo, porque é necessário sair da zona de conforto para conseguí-lo. Quando você fracassou e não tem para onde ir, o único caminho é seguir rumo ao sucesso.

Portanto, não se deixe levar pela ansiedade e tristeza. Aproveite este momento para reconstruir sua vida do modo que sempre sonhou: sem julgamentos e expectativas alheias.

Sucesso vs. Fracasso

Quem julga o que é sucesso e fracasso em nossa sociedade?

Em alguns lugares (vários), por exemplo, um homem só é considerado bem sucedido se tiver retorno financeiro.

De modo geral, uma mulher recebe mais elogios por sua aparência do que qualquer outras qualidades que ela possa ter.

J.K. Rowling, mais uma vez em seu discurso para a turma de Harvard, nos diz que o mundo é ávido por impor noções de fracasso a nossa vida. Todos querem dizer o que é certo ou errado, sucesso ou fracasso.

Pois bem, o sucesso para mim é ser o melhor que eu posso ser. É me sentir em paz comigo mesma, feliz por ter feito as escolhas que fiz.

Portanto, não se deixe levar pelo que o mundo espera de você.

Os pais de J.K. Rowling com certeza não queriam que ela virasse uma escritora pois essa não é considerada uma carreira estável. Vamos imaginar, então, que tudo estivesse bem na vida dela.

Muito provavelmente, ela não teria investido na ideia de criar uma história como Harry Potter pois estaria ocupada demais fazendo o que os pais e as outras pessoas esperavam dela.

Algumas vezes é preciso decepcionar momentaneamente as pessoas que amamos para conseguir realizar nossos sonhos.

“Você se lembra quem você era antes do mundo te dizer como você deveria ser?”

Imagine agora um mundo sem Harry Potter. Eu não gosto de imaginar 😉

Convencido de que o fracasso pode sim trazer benefícios?

Me conte nos comentários se você já conseguiu enxergar alguma coisa boa durante os piores momentos da sua vida e como você usou isso para atingir seus objetivos 😉

Até a próxima 😀

Comentários