Procrastinação: 5 atitudes para não deixar seus sonhos para depois

Nunca foi tão fácil saber sobre tudo que está acontecendo no mundo inteiro em tempo real, estudar em qualquer lugar, aprender e se desenvolver de forma constante. Porém, existe um mal que nos persegue: a procrastinação.

Temos a oportunidade de ter ao alcance das nossas mãos, tecnologias tão impressionantes que nos impulsionam a fazer sempre mais e melhor, no menor espaço de tempo.

Mas por que será que mesmo assim, muitas vezes fica tão difícil focar no trabalho ou nos planos que listamos para a própria vida e deixar para trás a procrastinação?

Procrastinação e genética

Segundo um estudo realizado na Universidade do Colorado, nos Estados Unidos, e publicado pela Revista Exame, procrastinar as atividades do cotidiano é algo inerente à genética.

Ou seja, faz parte da própria natureza do ser humano como espécie.  Mas por que?

Afinal, há muitos e muitos anos atrás para viver por mais tempo e com melhor qualidade, o ser humano precisava preservar suas próprias energias e deixar para fazer amanhã, o muito que deveria ser feito hoje.

Isso tinha que acontecer porque as fontes de energia, de alimento, eram escassas e exigiam muito trabalho para serem conquistadas.

Mas a situação vai além disso…

Todos os envolvidos na pesquisa foram estimulados a partir de suas habilidades de estabelecer objetivos, mantê-los durante certo tempo e na propensão a agir de forma impulsiva ou de forma procrastinatória.

Juntamente com isso, foi descoberto que nós podemos treinar nosso cérebro para deixar de procrastinar e aumentar a produtividade.

No mundo em que vivemos, no qual “tempo é dinheiro”, cada segundo perdido em devaneios ou distrações (não planejados) podem causar um grande prejuízo em longo prazo.

Neste artigo sobre 5 segredos de produtividade eu falo mais sobre isso.

Isso vale tanto para a produtividade no trabalho quanto também para a nossa vida pessoal.

Quantas vezes você já adiou planos importantes durante anos e depois ficou com aquela sensação de “se eu tivesse começado ha um ano atrás já estaria muito adiantado?” 

Então, como fazer para mudar nosso mindset (forma de pensar) e começar a vencer a procrastinação?

O fim da procrastinação

Segundo a psicóloga Daphna Oyserman, da Universidade do Sul da Califórnia, também nos Estados Unidos, o segredo para acabar de vez com a procrastinação em nossa vida é pensar sempre que o futuro é agora mesmo.

De acordo com as pesquisas feitas por ela e sua equipe, toda vez que alguém se vê muito próximo a algo, costuma correr para terminar a atividade.

Não é a toa que acabamos sempre resolvendo aquilo que é urgente e acabamos nessa correria de apenas resolver problemas, não é mesmo?

Então, ao invés de pensar que seu sonho ou objetivo principal da vida pode ser colocado em prática até o último dia de sua vida, pense que ele precisa ser resolvido aqui e agora.

A ideia é que por mais que sejam objetivos de longo prazo, você deve dividi-lo em ações menores de curto prazo. É exatamente isso que eu ajudo meus clientes do projeto Sua Vida do Seu Jeito fazerem.

Assim, você estará motivado e focado todos os dias, até que finalmente seja capaz de comemorar o sonho realizado.

Então vamos lá, como gosto de coisas práticas, abaixo listo 5 ações que você pode começar a tomar hoje para deixar de procrastinar.

1. Saiba o que você quer

Um ponto esquecido pela maioria das pessoas e um dos grandes violões de qualquer planejamento. Dúvida? Então assiste esse vídeo.

Não estou falando aqui de saber o que você quer em termos de objetivos e metas. O que estou falando aqui é de clareza e autoconhecimento.

Algumas perguntas que você pode se fazer neste momento:

  1. Você conhece e está conectado com suas paixões e seus valores essências?
  2. Qual o estilo de vida que você quer ter?
  3. Quem você quer ser e o que quer deixar como legado?
  4. Quais suas convicções?
  5. O que gostaria de fazer pelo resto da sua vida se não precisasse se preocupar com dinheiro?

No post Como ser feliz e trabalhar com o que gosta, falo sobre começar a dar os primeiros passos nesse assunto se você tem dúvidas de como começar 😉

Nem tudo na vida são flores, mesmo quando fazemos aquilo que amamos, não vamos gostar de todas as atividades inerentes daquilo.

Quando se tem um por quê, suporta-se qualquer como. – Nietzsche

Quando você tem autoconhecimento e sabe aquilo que quer, toda vez que tiver que fazer algo que possa te desanimar e acabar procrastinando, lembre-se do por que você está fazendo aquilo.

2. Trace bem seus objetivos

Para descobrir os caminhos até a linha de chegada e quais são os passos que devem ser dados para alcançá-la, é preciso que você determine de forma bastante clara, quais são seus sonhos e objetivos.

Tem alguma dúvida de como fazer isso? Faça download da minha planilha de planejamento pessoal. É a mesma planilha que uso com meus clientes e na minha própria vida.

Assim que fizer download você terá acesso a um vídeo explicando como definir seus objetivos e aproveitar o máximo da ferramenta.

Se seu sonho é viajar pelo mundo, por exemplo, faça uma lista dos países que não podem faltar, por onde deseja começar e qual é o ponto final.

Assim, fica mais fácil visualizar o alvo e conquistá-lo.

Quanto mais específico melhor! Desse jeito facilita na hora de dividir em ações menores e de curto prazo.

3. Tenha compromisso com você

Na nossa imaginação tudo é possível e da certo. Mas podemos mudar os planos e os prazos sempre que quisermos, o que é um convite para a procrastinação.

Então faça um contrato com você mesmo e coloque todos os seus desejos e objetivos no papel. Deixe isso em um lugar de fácil visualização e olhe para eles uma vez por dia.

Parece blá blá blá? Te desafio então a fazer isso por 30 dias e depois voltar aqui para me contar os resultados.

Nada na terra pode ajudar alguém sem comprometimento. – Thomas Jefferson

Quando você se, é capaz de fazer qualquer coisa para isso acontecer.

4. Acredite em você

acredite em você

Recebo muitos e-mails de pessoas falando que acabam procrastinando por que pensam que não são capazes de alcançar seus objetivos.

Todos nós somos capazes de fazer o que quisermos. Talvez você não tenha o conhecimento necessário naquele momento ou tenha algo mais profundo te atrapalhando.

Mas isso não significa que não seja capaz. se este for seu caso, coloque em seu planejamento “adquirir conhecimento X”. Existem várias formas de você superar seus próprios medos e inseguranças, o coaching é uma delas (olha o jabá rs…)

E se em algum momento alguém te disser que você não é capaz de algo, vá lá e faça mesmo assim. Nem que seja para mostrar o quão errada essa pessoa está.

As pessoas que são loucas o suficiente para pensar que podem mudar o mundo, são aquelas que acabam o fazendo. – Steve Jobs

Esta é uma das frases mais clássicas do Steve Jobs e ela é tão famosa pelo simples fato de ser verdade.

Ele próprio é reflexo desse tipo de pensamento. Nem sempre ele foi o melhor naquilo que fez, já fez alguns produtos bem ruins.

Porém, ele acreditava que era capaz de fazer um produto que mudaria o mundo. Sabemos bem o resultado disso, concorda?

Quando você acredita que é capaz de alguma coisa, você busca os meios de alcançar o que se propôs. Isso gera o que falei no tópico anterior: comprometimento.

Acredite em você pois isso vai te levar muito mais longe.

5. Comece agora mesmo

Comece dando um chega pra lá na procrastinação dando início aos seus planos agora mesmo.

Não tente enganar a si mesmo prometendo que no final de semana que vem vai arrumar um tempinho para isso.

Abra agora mesmo sua agenda e coloque em prática tudo que aprendeu neste artigo.

Com isso, com certeza você vai conquistar todos os seus sonhos e ainda vai se divertir muito durante o trajeto, que no final das contas, é o que mais importa em nossas vidas.

Por último, quer alguém do seu lado te acompanhando para ter mais foco, superar seus maiores medos e inseguranças e acelerar o alcance dos seus objetivos pessoais e profissionais?

Então te convido a conhecer o projeto Sua Vida do Seu Jeito. Clique aqui e reserve uma sessão estratégica gratuita.


Also published on Medium.

Comentários